É algo muito louco e difícil de explicar, mas nossos animais de estimação sabem perfeitamente quando algo está para mudar. Dito isso, apresentamos a você Avon, uma cachorra que sempre foi muito hiperativa em casa, mas agora está levando as coisas com mais calma e atenção.

Acontece que a peluda percebeu recentemente que Shea Haugen, sua dona, estava grávida de várias semanas, então ela diminuiu sua euforia diária e se dedicou a ser mais delicada com ela e com o pequeno que está a caminho.

“Acho que ela soube da minha gravidez quando tinha 14 ou 15 semanas, porque ela geralmente pulava em tudo, mas começou a ser mais gentil comigo”, conta Shea Haugen para o The Dodo.

Desde que montou as peças do quebra-cabeça, Avon se tornou uma cadela superprotetora de sua mãe grávida e tenta nunca sair de seu lado. O tempo passa, a barriga cresce e a cadela fica cada vez mais curiosa e animada para conhecer seu novo irmãozinho, que se move sem descanso.

Shea Haugen

Mas o que há de mais lindo nesse relacionamento, de longe, é que Avon adora encostar o ouvido na barriga de Shea e ouvir o bebê se mexendo lá dentro.

“Ela encosta a cabeça na minha barriga para ouvi-lo e fica muito animada quando ele se mexe. Esse é o momento típico em que seu rabo começa a balançar incontrolavelmente”, relata Shea.

Shea Haugen

Essa relação é um indício inegável de que os pets podem gerar lindas relações com os seres humanos, antes mesmo de chegarem ao mundo!

Com informações de UPSOCL

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







Ana, 20 anos, estudante de Artes Visuais na UNESP de Bauru. Trago aqui matérias que são boas de se ler.