Todo relacionamento envolve crises. É na persistência que o casal apaixonado se desenvolve e ganha solidez para continuar. Meirivone Rocha e Marcelo estão casados há quase um ano. Ela pertence a espécie humana. Já Marcelo…bem….Marcelo é um boneco de pano. O que Meirivone não deve ter imaginado antes, entretanto, é que Marcelo, mesmo sendo maleável e portátil, não se comportaria como o boneco dos sonhos que jurou ser antes do casamento.

Após a chegada do bebê de pano, há alguns meses, a relação vem demonstrando o desgaste inerente do dia-a dia.

Lembrem da foto do nascimento:

fotos após a chegada do bebê- reprodução.

Recentemente, Meirivone  dividiu com seus seguidores a confidência de que teve a primeira Briigada com o marido. O motivo? Ciúmes. Ela acredita que pode ter sido traída.

Veja abaixo:

@meirivonerocha a primeira noite no nosso casamento que discutimos e o meu esposo foi dormir no sofá,estou muito triste só com o tempo para perdoar mas o amor fala mais alto tenho que dar uma dura nele mesmo!#mulher ♬ Only Love Can Hurt Like This (Slowed Down Version) – Paloma Faith

Mairivone achou, então, que Marcelo merecia um “corretivo” e o colocou para dormir no sofá. Na cama do casal ficaram Marcelinho da Santinha, o filho do casal, e ela.

MONTAGEM/R7, COM REPRODUÇÃO/TIKTOK/@MEIRIVONEROCHA

Alguns seguidores, defensores da família, aconselharam Meirivone : “Conversa com ele”, escreveu, “tenta passar um pano em tudo isso.” Outros deram razão para ela e afirmaram que ele tinha que dormir no sofá e pensar seriamente sobre o que fez.

Meirivone, entretanto, com o coração aprensivo e magoada, já havia descrito seus sentimentos: “só com o tempo para perdoar”. Afinal, essas coisas são difíceis.

 

Ficamos na torcida pelo reestabelecimento desse lindo e atípico casal!

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.