A arteterapia é uma prática integrativa muito usada na psicologia e na medicina, sendo essa temática diretamente ligada ao bem-estar do ser humano, visto que o lazer é uma das vertentes que indicam uma qualidade de vida.

Na terapia, por exemplo, muitos pacientes trazem atividades relacionadas à arte como um lazer, mas que possuem resultados positivos. O que resultou na arteterapia como um espaço para expressar sentimentos, criatividade, descobertas de novas habilidades e ajuda no autoconhecimento.

Em 2017, a meditação e a musicalização foram incluídas como prática a ser realizada no Sistema Único de Saúde (SUS), sendo também reconhecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Ministério da Saúde.

Um estudo recente apontou que a arte torna você mentalmente mais saudável, onde é comprovado que os níveis de cortisol podem ser reduzidos com a prática, aliviando sintomas como estresse e ansiedade em jovens e idosos.

O intuito da arteterapia é trazer benefícios para a saúde física e mental, trabalhando os sentimentos reprimidos, estimulando o raciocínio, autoexpressão, relacionamentos afetivos e autoconhecimento que resultam em ações.

Colocando a arteterapia em prática

A arteterapia é uma prática séria e orientada por psicólogos e terapeutas ocupacionais, você poderá realizar alguns exercícios em casa, não apenas no consultório em atendimento individual ou grupal.

Veja algumas sugestões e benefícios da arteterapia para o autoconhecimento.

Arte no desenho e na pintura

A arte do desenho e pintura permite expressar sentimentos reprimidos, colocar para fora as angústias internas e a forma como o indivíduo se vê no mundo.

Neste exercício você pode usar diversos tipos de materiais, desde lápis coloridos, canetas, tintas e até giz-de-cera.

Prática de escrever

Colocar em palavras aquilo que se pensa, nem sempre é tarefa fácil, mas quando se consegue se expressar é realmente libertador.

Para praticar a escrita, deixe sua escrita fluir, sem direção e nomeie de alguma forma aquilo que está sentindo, concentre-se sem julgamentos ou normas.

Colagem de objetos e outras artes

A arte da colagem nada mais é do que criar a partir de elementos prontos, ou seja, selecionar materiais manuseáveis e transformá-los em algo que deseja ou se espera.

Se você não sabe por onde começar, uma dica é renovar objetos usando cola, que serve para treinar suas habilidades e memorizar a criação de algo novo.

Artes expressivas e de comunicação

Dentro das artes expressivas e da comunicação estão o teatro e as danças, que ajudam a desenvolver a imaginação, e no consultório, ajuda o paciente a expressar seus traumas e visão que tem do mundo.

Aprender a interpretar um papel pré-estabelecido, permite uma autoanálise, e as técnicas da arteterapia podem contribuir para este processo.

Saber se expressar é uma das condições para o autoconhecimento, seja através de gestos com o corpo, fala, desenhos e diversos outros tipos de criações que agregam à saúde mental e do corpo.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.