Ninguém quer passar pela difícil situação de precisar se despedir um ente querido antes de partir. E são nesses momentos de angústia, dor e desesperança que se faz necessária a companhia dos seres mais próximos.

Unimed Campos

Nesse momento tão delicado estava uma avó de Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, Brasil, que havia recebido um diagnóstico terminal. Internada em um centro da Unimed Campos, onde a equipe se dedicou a cuidar dela até seu último suspiro.

Por causa da particularidade do caso é preciso entender muito bem o que o paciente está passando para tornar seus últimos momentos os mais tranquilos possível. É por isso que os cuidadores não hesitaram em realizar o último desejo da avó em seu aniversário, que era abraçar seu gato novamente.

“Nesta semana, nossa equipe multidisciplinar do Time de Cuidados Paliativos deu mais uma prova disso. Visando sempre a humanização do cuidado aos pacientes e acolhimento aos seus entes queridos, eles promoveram, em conjunto com os setores de SCIH e Hotelaria, a visita do gato de uma paciente que está sendo acompanhada em cuidados paliativos exclusivos no processo ativo de terminalidade. Graças à ação, realizada com todos os critérios e protocolos conforme as exigências sanitárias, a paciente pôde comemorar seu aniversário realizando a última vontade manifestada por ela mesma. Queremos expressar aqui a nossa gratidão a todos os familiares e profissionais que tornaram possível esse momento tão emocionante.”, relatou a clínica.

Desta forma e como se pode constatar nas fotos que partilharam na sua conta na rede social Instagram, a senhora reencontrou o seu gatinho em seu leito de hospital .

Unimed Campos

Um momento muito emocionante!

***

Traduzido e adaptado de upsocl

 

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.