Depois de sua repercussão negativa no processo de difamação movido por Johnny Depp,  Amber Heard dispensou toda a sua assessoria e equipe de relações públicas.

Segundo o New York Post, a modelo demitiu os profissionais na véspera de seu depoimento no julgamento, realizado na corte da cidade de Fairfax, no estado norte-americano da Virginia.

Foto: Brendan Smialowski/Pool/AFP

“Ela não está satisfeita com as manchetes”, disse um informante ao jornal. “Ela está frustrada com a forma como a história dela está sendo contada”, acrescentou outra pessoa próxima de Heard.

A empresa responsável pela imagem da atriz era a Precision Strategies, fundada por Stephanie Cutter, ex-assessora pessoal de Barack Obama. Depois da demissão, Heard contratou a empresa Shane Communications.

O julgamento vem ganhando muita repercussão e foi transmitido ao vivo na internet, a pedidos de Johnny Depp. Já foram revelados diversos episódios que aumentaram o apoio ao ator, que chegou a ter o dedo decepado.

O processo foi iniciado por Depp contra Amber Heard, por causa de um texto escrito por ela para o jornal Washington Post em que dizia ter sido vítima de violência doméstica – na publicação, ela não cita o nome de Johnny Depp. Os atores foram casados entre 2015 e 2017.

Com informações de Yahoo

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.