Após indicação ao Emmy, série sobre Hebe Camargo ganhará segunda temporada

A maior estrela que a TV já conheceu brilha mais uma vez no veículo de comunicação que a fez rainha.

REDAÇÃO CONTI outra

Parece simbólico que, no ano em que a TV brasileira comemora 70 anos de existência, brilhe nas telinhas mais uma vez uma personalidade cuja história praticamente se confunde com a do veículo de comunicação mais popular do país. A minissérie sobre a vida e a carreira da apresentadora Hebe Camargo, exibida pela Rede Globo, é um verdadeiro sucesso. Com boa audiência e bastante prestígio após a recente indicação de Andrea Beltrão como melhor atriz no Emmy 2020, a produção pode ter garantindo uma segunda temporada, segundo informações do jornalista Ricardo Feltrin.

A minissérie foi concebida originalmente como um filme, “Hebe: A Estrela do Brasil”, de Maurício Farias. O longa teve boa recepção da crítica, mas não fez grande sucesso com o público, cumprindo a triste sina das produções cinematográficas menores no Brasil. A produção, entretanto, ganhou uma segunda chance ao ser estendida e virar uma minissérie de 10 capítulos, exibida primeiro no Globoplay e depois no horário nobre da Rede Globo, onde finalmente encontrou seu público.

Os novos episódios deverão abordar um período específico da vida da apresentadora, assim como o filme, e serão lançados exclusivamente na Globoplay. Cabe lembrar que este também era o projeto inicial da minissérie, que a Globo acabou optando por levar posteriormente à TV aberta.

De acordo com informações do portal Terra, o Grupo Globo também estuda lançar um documentário sobre Hebe, que faleceu em 2012, aos 83 anos, após longa luta contra um câncer abdominal.

***
Redação CONTI outra. Com informações de Terra

Foto: Divulgação/Loma Filmes / Pipoca Moderna

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.