4 filmes que dariam ótimos programas de TV

CONTI outra

Pré-sequências parecem estar na moda ultimamente. E não só de filmes, mas de filmes que foram adaptados para séries de TV e que exploram as histórias de fundo de um filme ou de um personagem em particular.¬¬

Assim como fez a série Gotham com o Comissário Gordan (então Detetive Gordan) como o protagonista principal e Oswald Cobblepot como o vilão principal durante sua transformação no Pinguim. A série Bates Motel remonta décadas antes de Psicose ser ambientado e se centra nas vidas de Norman Bates e sua (alerta de spoiler!) mãe, Norma. E mais recentemente, a série Ratched que conta a história da enfermeira Mildred Ratched – a principal antagonista de Um Estranho no Ninho.

E existem muitos outros exemplos, incluindo Smallville: As Aventuras do Superboy (Superman), Star Trek Discovery (Jornada nas Estrelas) e Hannibal (Dragão Vermelho), enquanto isso, há projetos de uma série inspirada em Robocop também.

Então, quais filmes clássicos e amados você acha que também poderiam se transformar em pré-sequência em formato de série? Nós achamos que essas quatro seriam um sucesso.

Pantera Negra – Linhagem dos Reis de Wakanda

Pantera Negra é um dos filmes de adaptação de super-heróis mais culturalmente significativos e comercialmente bem-sucedidos já criados. As pessoas foram absorvidas pelo mundo de Wakanda – uma nação africana fictícia que se apresenta como um país pobre do Terceiro Mundo, mas na verdade é imensamente rica e tecnologicamente avançada graças ao metal Vibranium.

A história do filme essencialmente começa quando T’Challa (Chadwick Boseman) se torna o rei de Wakanda e, portanto, o Pantera Negra, mas como o filme explica, a linhagem real remonta a milhares de anos. Os quadrinhos datam as origens do Pantera Negra ainda mais atrás em 1.000.000 AC, com o primeiro rei Wakanda fazendo parte dos Vingadores da Idade da Pedra, então há uma grande quantidade de material para os criadores trabalharem para uma série.

Apocalypse Now – História do Coronel Kurtz

Um dos maiores filmes de guerra de todos os tempos, Apocalypse Now contém uma participação especial do grande Marlon Brando como o Coronel Kurtz – o personagem no qual toda a missão da história do filme é baseada. Apocalypse Now foi vagamente baseado no romance clássico O Coração das Trevas (Heart of Darkness), mas trocou o rio Congo pela Guerra do Vietnã. Assim como serviu de inspiração de um romance, Apocalypse Now que se passa em apenas um curto período de tempo com Kurtz (cerca de 15 minutos, pelos quais Brando recebeu $ 3,5 milhões) ainda há muito sobre o oficial renegado insano das Forças Especiais que não foi contado.

Uma série baseada na ascensão e morte de Kurtz seria totalmente fascinante e poderia ajudar os telespectadores a descobrir como Kurtz passou das Forças Especiais para se tornar um semideus assassino desiludido nas profundezas da selva vietnamita.

Embora entrar em um personagem anteriormente retratado por Brando possa ser uma perspectiva desafiadora, um Kurtz reinventado – mais próximo da descrição robusta do livro – permitiria aos criadores se afastarem da versão de Brando. Na verdade, a única razão pela qual Kurtz não estava mais perto da versão do livro em Apocalypse Now foi porque Brando apareceu no set significativamente acima do peso. Portanto, a série realmente permitiria que um jovem Kurtz se parecesse melhor com o personagem original, ao mesmo tempo que se distanciaria das comparações com o personagem de Brando.

Jurassic Park – a história de origem de John Hammond

John Hammond é a mente por trás do Jurassic Park, o bilionário que financia o projeto para reviver dinossauros e criar um parque temático centrado em sua reintrodução ao mundo milhões de anos após a extinção. Interpretado pelo falecido Richard Attenborough no megamovie de 1993, Hammond é retratado como uma figura de avô jovial e adorável, mas como todos os personagens (humanos) em Jurassic Park, sua história de fundo é limitada – e certamente seria a mais fascinante se fosse criada.

Como ele se tornou um bilionário? E por que e quando ele se envolveu com a engenharia genética dos dinossauros? Das informações limitadas que os espectadores recebem sobre a vida passada de Hammond, sabemos que uma vez ele dirigiu um circo de pulgas e na quarta sequência, Jurassic World: Reino Ameaçado, ele se associou a Sir Benjamin Lockwood para fundar a InGen, mas ainda há muito mais para descobrir sobre a história de Hammond.

O maior desafio seria determinar como uma série pré-sequência de Jurassic Park poderia funcionar sem quaisquer dinossauros reais, mas haveria muito espaço para a criatividade e expectativa de uma engenharia bem-sucedida dos dinossauros.

Rain Man – os anos do jovem Raymond

Em uma carreira de filmes estelares e performances imaculadas, Rain Man continua sendo um dos maiores filmes de Dustin Hoffman e lhe rendeu o Oscar de 1989. Além de uma história e roteiro soberbos e performances poderosas de Hoffman e Tom Cruise, a beleza de Rain Man reside no desenvolvimento da relação entre os irmãos – um severamente autista e o outro (aparentemente) superficial e faminto por dinheiro. Quem poderia esquecer a cena icônica do cassino de Las Vegas que impulsionou a contagem de cartas no blackjack na cultura popular mainstream?

No entanto, embora o filme seja baseado na evolução de um vínculo fraternal, o relacionamento de infância (a grande realização do filme) não é explorado até onde poderia ser. Uma série limitada, focada principalmente no jovem Raymond, poderia mostrar quando os dois meio-irmãos entraram na vida um do outro e o vínculo que desenvolveram.

Também poderia se concentrar no relacionamento de Raymond com seu pai (que deixou uma herança de $3 milhões para ele), bem como na sociedade em mudança dos anos 1950 e 60 e o lugar de Raymond dentro dela. No mundo de hoje, onde o conhecimento e a aceitação das condições psicológicas se tornaram mais comuns, uma série originária do Rain Man ressoaria.

***
Imagem de capa: Foto por Jakob Owens em unsplash.com

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES




COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.