10 dicas para ter o melhor plano de saúde que existe e não pagar mensalidades

Vou agora compartilhar com você o que considero os principais pontos de um plano de saúde preventivo e sem mensalidades.

Isaias Costa

Estava ouvindo um podcast bem bacana do site Coemergência com a querida Carolina Bernardes [link aqui], e achei muito interessante quando ela falou que tinha plano de saúde, ao contrário das muitas pessoas que tem plano de doença.

Suas palavras me fizeram refletir muito sobre minha vida e meus caminhos. Aproveito até para contar algo engraçado. Pelo menos uma vez a cada dois eu três meses alguém me liga oferecendo planos de saúde e sempre digo que já tenho, essa é a melhor maneira de fazer com que eles não insistam. É uma mentira bem branda e estratégica eu diria! hehe.

A Carol fala um pouco sobre o seu plano de saúde ao dizer que busca ser leve, praticar atividades físicas como andar de bicicleta, ter contato direto com a natureza etc.

Então pensei: “Que bacana! Parece que ela leu meu pensamento!…”. Quero desenvolver esse raciocínio e levar você a se questionar também.

É muito raro eu ficar doente e mesmo quando fico, rapidamente me curo e volto para minha rotina.  Vou agora compartilhar com você o que considero os principais pontos do meu plano de saúde.

1) Dormir bem

Há muito tempo venho exercitando deixar os problemas apenas para o dia e jamais levá-los para a cama junto comigo. O que mais leva as pessoas a sentirem insônia é não conseguirem viver o momento presente em sua plenitude. Se você procura dar o melhor de si no seu trabalho e nas suas relações, mesmo que fiquem pendências no final do dia, você não vai ficar angustiado e ansioso pra resolver tudo de uma vez. Respire fundo!

2) Praticar exercícios físicos

Faço um grande esforço, mesmo nos dias em que passo até tarde trabalhando, para dar uma corridinha ou fazer alguns exercícios em casa mesmo. Isso ajuda a elevar a imunidade e manter o peso também, sem contar com os inúmeros benefícios que você bem sabe que os exercícios proporcionam.

3) Ter uma boa alimentação

Não farei nenhuma lista como aquelas de nutricionistas sobre o que comer ou não comer ok? Mas eu faço aquilo que deveria ser o comum de todos nós. Como bastante fruta como laranja, tangerina, pera, maçã, uva, banana etc. Elas ajudam a equilibrar meu organismo e fornecem todas as vitaminas que meu corpo precisa. Eu também busco comer pouca carne, porque elas têm inúmeras toxinas que fazem mal quando comemos demais! Não faço dieta e nem recomendo, porque é algo que só vale a pena ser feito se muito bem acompanhado por um profissional. Melhore sua alimentação e você verá sua saúde melhorar exponencialmente!

4) Trabalhar no que amo

Eu sou professor e amo ensinar. A sensação de ganhar dinheiro com aquilo que sou capaz de fazer até mesmo de graça não tem preço. É quase indescritível. Mesmo que meu corpo fique cansado, uma boa noite de sono é o suficiente para eu restabelecer as energias para seguir em mais um dia de trabalho.

5) Ler bons livros, assistir a bons vídeos e filmes ou ouvir bons podcasts

É muito importante alimentar a mente com coisas boas. Sempre busco ler bons textos e livros, assistir a bons vídeos no youtube, assistir a filmes e séries interessantes no Netflix ou no cinema e ouvir bons podcasts. Um deles já falei no começo desse texto! Faça isso! Procure alimentar a mente com algo que agregue valor ao seu crescimento como ser humano…

6) Passar um tempo com os amigos e pessoas queridas da família

Eu valorizo imensamente a presença das pessoas que amo e quanto mais o tempo passa, mais me certifico de que é impossível ser feliz sozinho, como já dizia o poeta Carlos Jobim. Percebo que muitos adoecimentos da sociedade atual se dão por conta de um imenso individualismo e isolamento. Parece que os relacionamentos através do virtual estão sendo a prioridade, sendo que eles jamais conseguirão substituir a alegria que é o olho no olho, o abraço, o carinho, o papo descontraído e espontâneo que só na presença direta se dá! Valorize passar um tempo pertinho das pessoas que você ama…

7) Fazer alguma terapia

Eu também atuo como psicanalista, e pela própria profissão, é primordial fazer algum tipo de terapia. Venho praticando e conhecendo cada vez mais terapias diferentes! Acredite! Elas fazem muita, muita diferença na nossa vida. E saiba que não precisa buscar algo extremamente caro. Existem muitas terapias que são gratuitas ou com preços bem em conta, como por exemplo o Reiki, que em todas as grandes cidades têm locais onde se aplica de forma gratuita. Garanto que se mais e mais pessoas buscassem terapia, certamente gastariam bem menos com remédios.

8) Cuidar de um animal de estimação

Eu cuido de uma gatinha e esta é a primeira vez que falo sobre ela de forma tão direta. Seu nome é Glória, e eu que a “batizei” com esse nome porque quero que minha vida seja cheia de glórias, então ela vem para me fazer ainda mais feliz. É bem verdade que o amor transmitido principalmente pelos cães e gatos é algo transformador. Quem cuida sabe bem do que estou falando! Parte da minha saúde devo a minha querida “Glória”, por mim carinhosamente chamada de “Glorinha”.

9) Rir e não levar tudo tão à sério

Venho cada vez mais buscando não levar tudo tão à serio. Nossa vida é tão curta, tão passageira, que cada minuto perdido com raivas, com mágoas, com lamentações, com reclamações, é um minuto a menos que poderia viver feliz, radiante e construindo algo de positivo para mim e para os outros. E rir! Procuro rir até mesmo das minhas próprias mancadas, que não são poucas! As mais comuns tem a ver com esquecimentos. Por onde ando, quase sempre esqueço alguma coisa. Tem gente até que brinca me dizendo aquele velho clichê: “Isaias! Você só não esquece a cabeça porque ela está presa no seu pescoço…”.

10) Fazer um trabalho voluntário

O poder de um trabalho voluntário é algo maravilhoso. Sou voluntário com os atendimentos de psicanálise numa ONG em Fortaleza e mais ainda através dos textos que escrevo. Não ganho dinheiro fazendo isso, mas a riqueza que recebo não há dinheiro no mundo que pague. Inclusive vários dos meus melhores amigos conheci através da internet e desse poder maravilhoso que ela tem de unir as pessoas que comungam de ideais semelhantes.

Saber que sou lido por muitas pessoas enche meu coração de alegria e amor. E saber que no consultório psicanalítico ajudo a aliviar as dores de diversas pessoas, tudo isso amplifica meu sentimento de propósito na vida.

*****

Esses são os que considero os principais pontos do meu plano de saúde! E você? Quais os pontos do seu plano de saúde? Se você ainda não pensou nisso com carinho, que tal aproveitar o gancho desse texto e começar a enumerá-los? Saiba que só de fazer isso você já estará exercitando a GRATIDÃO. Porque não tem como listar essas coisas sem sentir internamente gratidão pela vida, pelas pessoas, pelas experiências etc.

Desejo a você cada dia mais saúde e que seus check-ups não sejam feitos de um em um ano ou mais, mas todos os dias! Assim seu plano de saúde será maravilhoso e cada dia mais cheio de recursos…

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Isaias Costa
Bacharel em Física. Mestre em Engenharia Mecânica e Psicanalista clínico. Trabalha como professor particular de Física e Matemática e nas consultas com Psicanálise em Fortaleza. Também escreve no seu blog "Para além do agora" compartilhando conteúdos voltados para o autoconhecimento e evolução pessoal. Contato: [email protected]