A ocasião faz o ladrão? – Flávio Gikovate

Será verdade que, em condições favoráveis, as pessoas roubam e se beneficiam de contextos que não lhe pertencem?

Há aspectos relevantes para serem avaliados em relação ao freio moral dos indivíduos.

Aqueles que possuem sentimento de culpa ou mesmo medo de represália divina têm freio moral interno, que independe de estar sendo observado. Assim, naturalmente, o indivíduo não aproveita a ocasião porque o freio está dentro de si.

Há os que só respondem a freios externos: medo de represálias terrenas, castigo, vergonha de ser pego. Como não têm a forma interna de controle, podem se beneficiar de situações favoráveis, especialmente se estão vivendo alguma adversidade.

Esse blog possui a autorização de Flávio Gikovate para reprodução desse material.

Para mais informações sobre Flávio Gikovate
Site: www.flaviogikovate.com.br
Facebook: www.facebook.com/FGikovate
Twitter: www.twitter.com/flavio_gikovate
Livros: www.gikovatelojavirtual.com.br

Você achou esse achou esse conteúdo relevante? Compartilhe!

COMPARTILHE
CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos. Sejam sempre bem-vindos! Josie Conti



COMENTÁRIOS