David Servan-Schreiber

David Servan-Schreiber formou-se em Neuropsiquiatria pela Universidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos da América. Venceu o câncer por duas vezes, combinando a medicina tradicional com um estilo alimentar estimulante e auto-regenerador. Esta sua nova filosofia de estar travou o alastramento de uma doença grave durante vinte anos. O médico e cientista francês faleceu em 2011 e deixou um importante legado no que respeita a formas naturais de combater o câncer, doença causadora de cerca de 13% de todas as mortes no mundo.

Nascido em França em 1961 David Servan-Schreiber iniciou os seus estudos superiores na Faculdade de Medicina Necker-Enfants, em Paris, tinha então 17 anos de idade. Concluiu o curso em 1984, no Canadá. Exerceu a profissão de médico e pesquisador na área das neurociências, dedicou-se à investigação em cibernética e criou em 1988 com Jonathan Cohen um laboratório de neurociências cognitivas. Foi professor de Psiquiatria na

On 26-sep-08, at 5:07 pm, scrivener, leslie wrote: mike - here's a pix of author, to go with leslie scrivener story to run sunday. Thanks, les. -original message- from: love, lindsey [mailto:lindsey.love@harpercollins.com] sent: friday, september 26, 2008 1:47 pm to: scrivener, leslie subject: david servan schreiber here you go! Lindsey love harpercollins canada 2 bloor st. E., 20th fl. Toronto, on m4w 1a8 p. 416.975.9334 x 173; c. 647.402.8575 f. 416.975.5223 e. Lindsey.love@harpercollins.com ****************************************************** confidentiality notice: this e-mail is intended only for the use of the individual or entity to whom it is addressed and may contain information that is privileged, confidential and exempt from disclosure under applicable law. If you have received this communication in error, please do not distribute and delete the original message. Please notify the sender by e-mail at the address shown. Thank you for your compliance.

Faculdade de Medicina da Universidade de Pittsburgh onde leccionou entre 1993 e 1996, e onde criou e dirigiu o Centro de Medicina Complementar. Foi um dos fundadores da delegação dos Médicos sem Fronteiras nos Estados Unidos. Em 1992, David Servan-Schreiber tinha 31 anos quando foi-lhe diagnosticado um tumor no cérebro. Em 1997 o tumor reincidiu-lhe e foi nessa altura que David percebeu que tinha de procurar uma nova maneira de viver sem se submeter à quimioterapia e radioterapia. A sua postura proativa, levou-o a se interessar pelas terapias alternativas e a fazer uma triagem dos alimentos que faziam mal a si e à sua doença. Exerceu a sua profissão de psiquatra até 2002, ano em que foi eleito o melhor psiquiatra clínico da Pensilvânia. Além de ter publicado dezenas de artigos em revistas científicas, David dividiu o seu tempo a proferir várias conferências internacionais. Regressou a França, onde se dedicou à psicoterapia por integração neuro-emocional através dos movimentos oculares: EMDR Eye Movement Desensitization and Reprocessing (este método de cura promove a comunicação entre os dois hemisférios cerebrais, e está descrito no livro ‘Curar: o stress, a ansiedade e a depressão sem medicamentos nem psicanálise’, que o médico escreveu em 2003). David Servan-Schreiber acabou, no entanto, por falecer em Julho de 2011, em França, aos 50 anos, na decorrência do reaparecimento do câncer que lhe foi diagnosticado em 1992, deixando a mulher Gwenaëlle e três filhos. Antes da partida David disse: «Ter a possibilidade de preparar a partida é, na verdade, um grande privilégio», e foi por isso que escreveu o que é descrito como o seu livro de despedida: ‘Antes de Dizer Adeus’.

Além dos dois livros já mencionados David Servan-Schreiber escreveu «o livro sobre cancro mais vendido no mundo», “Anticâncer — Prevenir e Vencer Usando Nossas Defesas Naturais” , publicado no Brasil pela Editora Objetiva, que se tornou um verdadeiro ‘best-seller’ mundial, já traduzido para mais de 40 línguas. Na obra, que segundo o ‘New York Times’ «Em muitas casas, este livro vai provavelmente tornar-se uma Bíblia», o autor fala da sua própria experiência com um câncer cerebral, complementando o tratamento convencional – cirurgia, quimioterapia e radioterapia – através da modelação das defesas naturais por controlo emocional e seguindo uma dieta específica.

Visita o nosso blog parceiro Silêncios Que Falam (Site; Facebook)

COMPARTILHE
Miguel Pestana
Vive na Madeira, ilha portuguesa onde nasceu Cristiano Ronaldo, o melhor jogador de futebol do mundo. É cinéfilo e melómano, mas é no mundo dos livros que passa maior parte do tempo, e por isso diz ser um grande bibliófilo. Em Portugal, o seu blogue literário — http://silenciosquefalam.blogspot.pt —, existe há mais de 5 anos e é parceiro de mais de 40 editoras. Em ‘Silêncios que Falam’ ele já postou mais de 300 resenhas críticas, sobre livros de géneros literários vários.



COMENTÁRIOS