Zero – animação que prova que a marginalização é uma atitude de pouco valor

Forte e comovente animação.

Como pode algo ser criado do nada? Esse é o tema do curta de animação em stop-motion “Zero” (12min32seg), nome do personagem principal que nasceu com este número numa sociedade dominado por gente positiva como “3” ou “4”. Com mais de 15 prêmios e indicações, entre eles vencedor do 2010 LA Shorts Fest for Best Animation e Shorts Film Festival for Best FX, “Zero” se diz a história “de um zero oprimido num mundo de números que descobre que através de determinação, coragem e amor, nada pode ser verdadeiramente algo”. O filme foi criado e dirigido pelo casal Christopher e Christine Keseloz.

Fonte indicada Capacitar Brasil.

COMPARTILHE
CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos. Sejam sempre bem-vindos! Josie Conti



COMENTÁRIOS