Uma carta suicida. Apenas leiam…

Nós, humanos que somos, tendemos a imaginar que o outro sente e vê o mundo da mesma maneira que nós. Entretanto, muitas vezes, por mais empáticos que sejamos, não somos capazes de quantificar o sofrimento de uma outra pessoa. Cada pessoa tem sua própria dor e reage a ela com intensidades bastante diferentes.
Veja esse pequeno vídeo onde um professor lê à seus alunos uma carta de um aluno holandês que cometeu suicídio por não agurantar mais conviver com o sofrimento causado pelo bullying que sofria.
Nunca, jamais, subestimem a dor de um outro ser. Nunca subestimem uma doença como a depressão.


Bullyng e Depressão por EvelFatalis

Fonte indicada: Sedentário & Hiperativo

Precisa de um psicólogo, clique AQUI.

Você achou essa informação importante? Compartilhe!

 

COMPARTILHE
CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos. Sejam sempre bem-vindos! Josie Conti



COMENTÁRIOS