Quem somos


JOSIE CONTI

É idealizadora e administradora do site CONTI outra.  Psicóloga formada há 16 anos, teve sua trajetória profissional passando por diversas áreas de formação e atuação como educação, clínica, recursos humanos e saúde do trabalhador. Hoje, utiliza o conhecimento adquirido para seleção de pessoal e de material adequado aos sites com que trabalha. Realiza vídeos, palestras, entrevistas, tem um programa diário na rádio 94.7 FM de Socorro e escreve para diversos canais digitais. Sua empresa ainda faz a gestão de sites como A Soma de Todos os Afetos e Psicologias do Brasil. Atualmente possui mais de 10 milhões de usuários fidelizados entre seus seguidores diretos e seguidores dos sites clientes. Em 2017, foi convidada para falar sobre conteúdo de qualidade no evento “Afiliados Brasil” de São Paulo, à convite da Uol, pois o CONTI outra foi considerado um dos melhores sites de conteúdo ligados a empresa.

SOBRE NOSSO TRABALHO

“O foco da CONTI outra é a simplicidade e a reflexão através de conteúdos que façam a diferença  na vida daqueles que dedicam seu tempo para nos ler.  Hoje, depois de mais de 6 anos de intensa dedicação, respeito e fidelização do nosso público,  um artigo com a marca CONTI outra chega ao leitor final e ele sabe que pode clicar para saber mais.”

SOBRE NOSSO LEMA

“Muitas vezes não precisamos de nada complexo para encontrar a verdadeira essência das coisas”. CONTI outra.

Se o lema da revista digital Conti outra é a perplexidade pelas coisas simples e a propagação das sutilezas cotidianas, sem deixar de apresentar um olhar claro, reflexivo e poético sobre as mazelas do mundo e as nossas, devo dizer que, há muito o meu olhar já não é o mesmo. Acompanho o site, rotineiramente, sempre com a expectativa de nutrir a minha fome de expandir os horizontes para além das margens possíveis.

Costumamos esquecer a cláusula primeira da vida; a de olhar as coisas por dentro, demoradamente, com a expressão da busca e sem aparatos que nos privem do desvelamento sutil, como sugere a poesia de Manoel de Barros: “Que a importância de uma coisa não se mede com fita métrica nem com balanças nem barômetros. Que a importância de uma coisa há que ser medida pelo encantamento que a coisa produza em nós”.

Aqui, o encantamento começa no bom dia e se estende noite adentro desdobrando-se em assuntos de naturezas distintas, porém, de grande relevância e sempre com a intenção e a mira acenando para as questões do ser/estar no mundo, para as inquietações do ser que se descobre sempre em vias de “tornar-se outro”, propenso às mudanças ─ na busca pelo melhor de si.

Devo ressaltar que, eu sempre quis estar aqui, e por uma trama bonita da poesia e o convite carinhoso da Josie Conti, cá estou. Sempre pensando na verdadeira essência que faz do ser esse bordado de possibilidades incríveis. Sempre pensando que os caminhos urdidos pelos desejos de sublimação da essência só nos sopra para lugares onde desejamos estar.

Que a simplicidade seja o principal estímulo que nos aproxime da nossa melhor versão. Que despidos da dureza que por vezes nos assola, possamos encontrar aqui e em tudo que vibra um aconchego e um caminho onde possamos aprimorar nossas virtudes.

Que o encantamento perdure!

Texto de  Ester Chaves

_Escritora e colaboradora dos sites CONTI Outra e A Soma de Todos os Afetos.