A plenitude uterina visualizada através de um clipe de Kate Bush

As teorias psicanalíticas nos falam que o primeiro trauma de uma criança é o seu próprio nascimento. Isso aconteceria porque o bebê, quando no útero da mãe, estaria em um estado da mais completa plenitude onde todas as suas necessidades são supridas e há uma conexão direta com o corpo da mãe- mãe e bebê são um só.
Nesse clipe, a cantora inglesa Kate Bush, conhecida por suas interpretações performáticas, apresenta uma leitura do bebê no período de gestação. A própria cantora também ficou conhecida mundialmente por afastar-se da carreira para tentar dar uma infância normal ao filho, o qual foi escondido da imprensa até os 2 anos de idade.

Kate Bush “This woman’s work”

Abaixo, para quem não conhece, o lindo vídeo:
Gêmeos nascem e não percebem que nasceram”

COMPARTILHE
CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos. Sejam sempre bem-vindos! Josie Conti



COMENTÁRIOS