Conheça os 5 sinais que revelam se você é uma pessoa improdutiva

Por Rodrigo Telles

Você se considera uma pessoa produtiva? Se você torceu o nariz e se questionou em como seria possível medir isso de forma simples, continue comigo por mais 5 minutos que eu vou te mostrar 5 sinais simples que revelam se você é uma pessoa produtiva ou não.

Como eu sei disso? Experiência própria.
Eu já falei um pouco sobre este tema no artigo “Nós levamos mais uma surra dos americanos” e tenho estudado, praticado e mudado certos maus hábitos típicos das pessoas improdutivas e que transformaram a minha vida.

Antes de avançarmos, precisamos deixar claro o significado de produtividade.

Produtividade é a expressão da eficiência de qualquer processo.
Eficiência é fazer mais com menos, menos tempo, menos dinheiro, etc.
Eficácia é ser eficiente para atingir um objetivo específico.

Logo, não adianta ser eficiente em um processo cujo objetivo é fraco ou nulo. Eu passei a medir a produtividade baseado na eficácia, ou seja, ser eficiente para atingir ou chegar mais próximo de um objetivo específico e que este objetivo seja algo importante que faça parte de uma meta estabelecida.

Só assim é possível alcançar objetivos concretos.
Então quando eu falar de produtividade estarei falando de eficácia!

Agora que estamos alinhados, você quer saber quais são os 5 sinais?
Então acho bom que você esteja sentado e que não esteja mastigando nada para não engasgar, pois a reação de algumas pessoas quando toco nestes pontos variam de gargalhadas sarcásticas a incredulidade total.

VOCÊ NÃO GOSTA DA SEGUNDA-FEIRA?

Pessoas improdutivas não gostam da segunda-feira e veneram a sexta-feira.
Posts sobre este tema são bem comuns de se encontrar no Facebook e em grupos do Whatsapp né?

O que isso pode revelar sobre a produtividade de uma pessoa? Tudo!
Se uma pessoa não gosta da segunda-feira é porque não gosta de seu trabalho e aí não precisa ser um Sherlock Holmes para saber que ninguém é produtivo em uma atividade da qual não gosta em um emprego que não ama.

Vou destacar isso para reforçar:

NINGUÉM É PRODUTIVO EM UMA ATIVIDADE DA QUAL NÃO GOSTA EM UM EMPREGO QUE NÃO AMA.

Eu até posso ouvir o seu cérebro criando justificativas para desconstruir o que eu acabo de dizer mas acredite, raramente este ponto não está ligado a improdutividade.

VOCÊ POSSUI SONS DE NOTIFICAÇÃO EM TUDO?

Ops, sinal vermelho para você. Se você trabalha com um tablet próximo a você e ele fica ligado, esse item pode aumentar o seu score.

Eu também quase consigo escutar o seu cérebro tentando criar justificativas para tentar deixar esta realidade menos indigesta para você, mas não tem jeito, isso é verdade e lá no fundo você sabe disso.

Aqui também não tem segredo, sempre que ouvimos um som de notificação, isso dispara um gatilho em nosso cérebro informando que tem “novidade” na área e a ansiedade vai aumentando causando uma dissonância cognitiva muito grande o que tira o foco no que estamos fazendo, tornando praticamente obrigatório parar o que estamos fazendo para checar a “novidade”.

Whatsapp, Facebook, Instant Messenger, E-mail entre outros. Se você possui som de notificação para quando chega uma mensagem no smartphone, tablet ou computador, não tem como ser produtivo no trabalho com todas estas distrações.

A dica aqui é tirar o som de todas as notificações e verificar se tem “novidade” apenas a cada duas horas (ou mais). Eu geralmente olho neste período.

VOCÊ PASSA O DIA LENDO E RESPONDENDO E-MAILS?

Xiiii parece até que eu estou falando de você né? É duro quando um texto consegue te incomodar tanto sobre algo que parece tão normal para você, eu sei disso, isso já aconteceu comigo também.

Mas fica tranquilo, eu sai dessa e vou te passar uma dica daqui a pouco para você sair dessa também.

Você pode até tentar justificar que o seu trabalho depende de e-mail como eu já ouvi de algumas pessoas, mas você há de concordar comigo que você não precisa colocar um aviso sonoro e/ou visual para toda vez que chega um e-mail e nem precisa checar seus e-mails 50 vezes por dia certo?

Hoje eu verifico meus e-mails apenas duas vezes por dia, sim você não ouviu errado. Eu verifico meus e-mails as 11:00 hrs e as 16:00 hrs.

Esses horários funcionam muito bem para mim pois são as horas mais prováveis de eu já ter obtido respostas dos e-mails que enviei, ou seja, se enviei um questionamento as 11:00 hrs é bem provável que até as 16:00 hrs eu já tenha recebido a resposta.

E aí você deve estar se perguntando: mas e os e-mails urgentes?
Nenhum e-mail deveria ser urgente, o problema é que a maioria das pessoas se acostumou a tratar urgências por e-mail, mas o e-mail não foi criado para tratar urgências.
Se for urgente alguém sempre me liga!

Se você conseguir diminuir pela metade a quantidade de vezes que verifica seus e-mails, já verá como isso aumentará a sua produtividade.
Fique tranquilo se você inicialmente se sentir estranho do tipo “parece que estou perdendo alguma informação importante”, isso é normal neste processo de desintoxicação do e-mail, seja forte.

VOCÊ POSSUI PELO MENOS UMA LISTA DE TAREFAS?

Não fique triste se você respondeu não, a maioria das pessoas que eu conheço também não tem.

O problema de não ter uma lista de tarefas é que você acaba tentando armazenar as coisas que precisa fazer em sua cabeça e é aqui que acontece o problema: você sobrecarrega o seu cérebro com informações desnecessárias e acaba se esquecendo.

Isso acontece porque o nosso cérebro é uma máquina perfeita em eliminar informações desnecessárias.

Sem falar que você não conseguirá priorizar suas tarefas adequadamente.

Tenha pelo menos uma lista de tarefas diária e a preencha logo no começo do dia, isso já vai mudar a sua vida, vai por mim.

A falta de tempo está associada à falta de priorização de suas tarefas!

AUSÊNCIA DE METAS

Se eu te perguntar quais são as suas metas, pelo menos 3 para serem concluídas ainda este ano, está fácil de lembrar?

Bem, neste ponto eu já me tornaria redundante em falar que sem metas não é possível alcançar seus objetivos que estão diretamente ligados as suas tarefas certo?

Pois bem, se você não sabe para onde quer ir, qualquer caminho serve né? É assim que a maioria de nós “leva” a vida, sem saber para onde quer ir e aí, qualquer caminho serve.

Tenha pelo menos uma meta para este ano e defina tarefas que o levará a alcançá-la.
Coloque data de conclusão nas tarefas e seja eficaz.

Isso tudo é possível? Sim, é possível e eu sou a prova viva disso e se eu consigo você também consegue.

Gostou deste texto (ou não)? Eu gostaria muito de ouvir a sua opinião, por favor deixe seu comentário logo abaixo.

Fonte indicada pra mais materiais como esse: Rodrigo Telles

COMPARTILHE
CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos. Sejam sempre bem-vindos! Josie Conti



COMENTÁRIOS