Quer que alguém se apaixone por você? Quer se apaixonar? Leia.

Inicialmente associada ao parto e à amamentação, a oxitocina é um dos hormônios mais estudados dos últimos anos.

Não é a toa que ela é conhecida como o hormônio do amor – ela tem esse apelido porque, além de ser liberada durante um beijo ou o ato sexual, ela faz com que nós nos preocupemos uns com os outros. Mais do que isso, ela motiva, por exemplo, que pais criem laços com seus filhos, ou que pessoas venham a se apaixonar umas pelas outras, sendo um importante regulador das nossas relações sociais.

Segundo o neuroeconomista Paul Zak, o primeiro cientista a identificar o papel da oxitocina nos comportamentos de confiança dos seres humanos, o hormônio é liberado no cérebro quando nós tomamos atitudes como tocar em outra pessoa, ou quanto mantemos contato visual em um primeiro encontro.

“Este tipo de comportamento, quando damos total atenção à pessoa com quem estamos conversando e nos interessamos pela vida dela, por exemplo, mostra ao cérebro do interlocutor que nós nos importamos com ele”, explica.

Ao mesmo tempo, a reciprocidade que a outra pessoa demonstra quando percebe estas “atitudes de conexão” libera oxitocina no nosso cérebro também – é um jogo no qual todo mundo ganha.

A oxitocina literalmente permite que seres humanos se conectem uns com os outros. Depois disso, bem, você só precisa ser alguém interessante, divertido e atraente, mas o primeiro passo foi dado.

Cachorros são bons parceiros de treino

Se você ainda não se sente preparado para ter esse tipo de contato com outro ser humano, dá para ir treinando com criaturas muito mais receptivas: cachorros. De acordo com Zak, criar cães aumenta os níveis de oxitocina no cérebro. “Eles de certa forma treinam o nosso cérebro para que sejamos melhores ‘conectores'”, esclarece.

Gatos, entretanto, tendem a diminuir nossos níveis de oxitocina – provavelmente por serem animais muito mais independentes e não se importarem muito se você está precisando fazer carinho em alguma coisa viva. [CNN]

Quer que alguém se apaixone por você? Quer se apaixonar? Leia.

Fonte indicada: Hypescience

Gostou?

Compartilhe!

COMPARTILHE
CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos. Sejam sempre bem-vindos! Josie Conti



COMENTÁRIOS