Acredite: contos de fadas não existem

São tantas as vezes que a gente se vira e se desdobra correndo atrás pra que tudo dê certo. Em muitas dessas vezes, por causa da pressa ou da inexperiência, a gente cai, a gente se machuca e fica pra trás. Mas como desistir não faz parte da vida, levantamos e batalhamos muito pra reconquistar o tempo e as coisas perdidas pelo caminho. A alegria das conquistas, por menores que sejam é o que dá o incentivo e o ânimo necessário pra não parar. E essa motivação tem que ser diária. Todos os dias devemos levantar sorrindo, agradecendo e agarrados em todas as boas vibrações, toda a fé, todas as orações.

Temos que estar crentes na capacidade de superar qualquer coisa, esse é o maior segredo, essa é a mágica que o pensamento positivo faz. A magia da vida não é realizar tudo de uma vez, é ir realizando cada coisa ao seu tempo e sem correria demais pra não precipitar-se, pois toda queda machuca e toda ferida vai deixar suas marcas. Saiba que a vida não acaba quando você cai, a vida não acaba quando você se cansa, a vida só acaba quando você desiste. Fracasso é desistir. Por isso, é essencial trabalhar a mente pra não sermos um refém tentando escapar das grades que a gente mesmo constrói, tentando abrir o cadeado que a gente mesmo tranca. Mesmo sem ter um amor no coração, mesmo sem ter um centavo nos bolsos, é preciso seguir. Vença o medo que te aprisiona em seus pensamentos, pois serão muitos os momentos em que os pensamentos e os sonhos serão as únicas coisas que terá em suas mãos, mas mesmo assim, sem nada dando certo, é preciso continuar em frente. Alguns sonhos jamais vão acontecer, com certeza nem todos os objetivos serão realizados de acordo com nossa vontade e nem todas as metas serão conquistadas. Acredite: Conto de Fadas não existem. É preciso trabalhar duro.

A fé move montanhas, a esperança ganha batalhas e a força do querer nos impulsiona pra frente. Retroceder nunca, render-se jamais. Persista, acredite e busque. Corra atrás daquilo que te faz não querer ficar no chão. São nesses pequenos tombos que criamos cicatrizes que irão contar as histórias das grandes conquistas. Devemos ser gratos o tempo todo pelas dezenas de vezes em que temos a abençoada oportunidade de se reerguer. Você pode até não ser o responsável pelas suas quedas, mas certamente você é o único responsável pelas vezes que se levanta!

Imagem de capa: Veles Studio/shutterstock

COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



Cleonio Dourado

Escrever é uma fuga que sempre uso. Não tenho temas. Não tenho destinos. Alguns devaneios e desatinos, quem sabe. Solto as palavras ao vento. Viajo ao vê-las viajando pelo ar. Recolho as que voltam nos relentos das manhãs e me lavo em seus afagos. Me aguo, me renasço. Palavras me acariciam a alma, me despertam sentimentos, paz, calma. Leio, releio, rascunho e escrevo. Faço dos textos da minha lida, as estrelinhas da minha vida.


COMENTÁRIOS