10 coisas banais que me entristecem, 10 que irritam e 10 que alegram

Via caipira

Entristecem

1- Ver famílias tirando foto na decoração do shopping. 
Tristeza instantânea saber que o Shopping é um local tão bonito para aquela pessoa que é necessário registrar o momento.

2. Ver casais passeando de mão dada no domingo no shopping por diversão.
Sério que não há nada mais legal para fazer em dupla do que ficar andando em círculos vendo loja?

3- Ouvir uma pessoa sendo elogiada com a seguinte frase: “Você merecia ir pro BBB!”
 Já li dois elogios sérios nesse sentido. A pessoa acredita que a consagração das qualidades da outra seria ela participar do BBB…meu Deus! 
    
4. Saber que o sonho de certas pessoas é serem entrevistadas pelo Jô.
Existia uma comunidade no Orkut com gente que tinha esse objetivo na vida. Deus pôs a pessoa no mundo com o propósito de que ela seja entrevistada pelo Jô. 

5- Ver alguém tirando foto com um carro bom que não é seu.
É como contar vantagem por procuração.

6- Pessoas que se apresentam pelo título fora do contexto de trabalho.
Quando se apresentam assim para mim:
– Eu sou a Dra. Fulana.
Tenho vontade de responder:
– Muito prazer. Eu sou o quarto-zagueiro Tonhão.

7- Campos do Jordão
Acho triste pagar R$10 no chopp porque tem que parecer rico. Acho triste querer parecer chique. Acho triste achar que é uma cidade da Suíça.

8- Foto de artistas de novela, com o rosto inclinado e pose de intelectual,  e uma frase de efeito embaixo.
Essa cultura de frases da nossa geração é de matar. Copiar frase de alguém importante e por no Facebook já não significa muita coisa, mas quando é boa e de um intelectual realmente interessante ainda dá pra engolir. Mas e quando é do Pedro Bial, Wagner Moura e ainda vem com uma fotinho de rosto inclinado?

9- Gente com camisa de futebol em festa de aniversário.
Minha mãe sempre me falou que era feio e eu demorei pra creditar.

10- Book de modelo feia.
Existe algo que corte mais o coração do que menina feia enganada por agência de modelo?

Irritam

1- O adjetivo “bom” vir sempre antes de “vinho”
Acho que pela regra ortográfica deve ser proibido dizer vinho bom. Só para constar, quem toma um bom vinho costuma assistir um belo documentário.

2- Capa de livro com imagem de filme (essa eu copiei de algum lugar, mas irrita de verdade)
Uma judiação o que fazem com as capas dos livros.  

3- Ouvir opinião de pessoas da rua na TV sobre personagens da novela.
Vale para o BBB também. Gente na rua está sempre querendo dar pitaco na novela ou no BBB como se fosse a coisa mais importante e séria do mundo.  

4- Conversar sobre o tempo. 
Será que um dia as pessoas vão perceber que o clima é e sempre será instável e que não adianta falar “Que tempo louco né”? Desde a Era do Gelo tem dia que chove, dia que faz sol, dia que esfria e assim é a vida.

5- Pedaço de fruta na comida do Natal e Ano Novo. 
Por que durante todo o ano a comida é boa, mas chega no Natal e resolvem colocar abacaxi na carne, uva passa no macarrão e maçã no arroz? Se fosse bom teria o ano inteiro, não?

6- A frase “Compartilhe se você já …” no Facebook.
A história do Facebook pode ser dividida em antes e depois do botão compartilhar.  Você que já fez várias atividades na sua infância não precisa compartilhar tudo que mandam #ficaadica

7- Quando vem pouca comida no prato porque é mais chique. 
– Moço, será que daria pra trocar essa amora com calda de tomate do Vesúvio por um prato com arroz, feijão, batata frita e um bife gorduroso saindo pela beirada do prato?

8- Livro de autoajuda.
Acho que não existe nada mais irritante do que uma prateleira de livros de autoajuda na livraria.

9- Pisar de meia no molhado
Só pode ser obra do Saci de tão irritante

10- Ouvir alguém elogiar o próprio filho por mais de 30 segundos.
Ninguém resiste a elogiar o próprio filho, mas tudo tem limite. Se quiser comparar qual filho fez pós, morou não sei onde, fala não sei quantas línguas, tirou nota 10 na escola, vá disputar com a mãe do Obama porque eu não tenho saco pra ouvir.

Alegram

1- Desfazer mala.
Devo ter sido um pirata que gostava de abrir baú na outra encarnação.

2- Cheiro de grama cortadaterra molhada, café e lenha queimando.
Um combo de odores para alegrar o coração.

3- Ouvir tiozão xavencado
Eu me divirto quando vejo um tiozão xavecando. É  a prova de que um guerreiro nunca desiste da batalha.

4- Errar letra de música e falar MacDonalds
Uma das coisas boas de ser pai é a liberdade adquirida para poder trocar letras de músicas e pronunciar MácDonald sem constrangimento.

5- Por vinagre na pipoca
A melhor descoberta gastronômica da minha infância.

6- Chegar do trabalho com um saco de pão em casa.
Aquela satisfação masculina neolítica de providenciar alimento para a casa.

7- Banco em loja de mulher
Segundo estatísticas do do  FMI e Banco Mundial, a existência de um simples banco para os homens na loja de roupas femininas aumenta em 200% a chance de a mulher poder escolher em paz algum item.

8- Guardar livro lido na estante
 Me divirto arrumando livro na estante. Depois de lido é melhor ainda.

9- Alimentar os animais
 Não entendo por que proíbem a melhor parte no zoológico que é justamente alimentar os animais. É tão legal jogar milho pra galinha, dar cenoura pro cavalo, pão pros peixes, seria bacana alimentar elefante, girafa, etc..

10- Dar oi para desconhecidos andando de carro 
Aquela buzinadinha e a cara de confuso do sujeito na rua sem saber se te conhece ou não.

Gostou? Compartilhe!

COMPARTILHE
CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos. Sejam sempre bem-vindos! Josie Conti



COMENTÁRIOS